Comendo
Ambientes

ANTÓNIO ELOY

«Sem Colecção» / 29
72 pp

Formato: 15cm x 22cm
ISBN: 978-989-680-195-3
Data de Publicação: Novembro de 2016
PVP: 11,90 euros
 

Foi com uns ovos mexidos com cogumelos, já lá vão alguns anos, que o autor provou o nirvana, que entretanto, de outras formas, tem buscado em cada passo que dá e em cada reflexão que produz.

Comendo Ambientes é uma viagem por aquilo que comemos, no ambiente onde emer­gimos. É um livro que se deve saborear, descobrindo as estórias, os rituais e os momentos que nos permitem encontrar a memória do gosto e as formas como a ali­mentação forja o nosso corpo, conferindo-lhe identidade e características únicas.
É também com base na alimentação que se organizam e estruturam as nossas sociedades. Foi em volta dos animais e das plantas que caçámos e depois cultivámos que se construí­ram relações, e que se desenvolveram solidariedades, e que se criou conhecimento, por­que a comida também é iluminação. E foi com cultura e humanidade que criámos a feli­cidade do palato e o prazer do convívio em volta do tacho.

O AUTOR [NA PRIMEIRA PESSOA]:
António Eloy. Gosto de me pensar um bom garfo, e leitor de uma vasta livra­lhada sobre comeres e gastronomias. Estive em muitos cantos do mundo e comi quase de tudo. Actualmente sou moleiro, sou pago por moinhos de vento para amassar os neurónios dos jovens ou menos jovens e explicar-lhes a suficiência, ou a sustentabilidade. Já fui professor universitário, tradutor, cronista, consultor da Expo 98 e de outras empreitadas, pro­fessor de línguas e do liceu, respon­sável por projectos no Ministério do Ambiente e em Associações várias, assistente no Parlamento, português e europeu (em 1983!). Tenho uma vasta bibliografia publicada aqui na Esfera do Caos, sozinho ou em colaboração, e também publicada por outras edi­toras.