As Crises e os Homens
no Século XXI
O sentido da história
e o Portugal europeu

PEDRO MARINHO COSTA

Ideias / 24
112 pp

Formato: 16cm x 23cm
ISBN: 978-989-680-206-6
Data de Publicação: Março de 2017
PVP: 11,90 euros

NAS LIVRARIAS: A PARTIR DE 25 DE MARÇO
 

Estamos condenados a que a história se repita? Porque é que as ideias de Marx não morreram no século XX? Não há mesmo alternativas ao liberalismo que conhecemos? A decadência das democracias é inevitável? Porque está o sistema internacional em desordem? Que ensinamentos podemos retirar da história para o futuro de Portugal? Se a história é feita pelo Homem, como pode ele enfrentar as crises que ameaçam o seu futuro?

 

Olhados à luz da história, o passado recente e o presente tornam-se mais fáceis de deci­frar. E os possíveis caminhos de futuro mais fáceis de perspetivar.

Como já antes aconteceu, também hoje nos perguntamos como poderemos assegurar a viabilidade da nação portuguesa face à crise do presente, num contexto nunca antes vivido.

Se não recorrermos aos ensinamentos da história, arriscamo-nos a repetir erros do pas­sado. Mais, arriscamo-nos a ficar à mercê dos mais fortes ou, talvez ainda pior, dos demagogos, populistas e outros salvadores carismáticos.

 

SOBRE O AUTOR:

Pedro Marinho Costa nasceu em 1973. Ingressou na carreira diplomática, em 1997, e desempenhou várias funções no Ministério dos Negócios Estrangeiros, na Embaixada de Portugal em Cabo Verde, na Embaixada de Portugal em Marrocos e na Agência para o Investimento e Comércio Externo de Portugal. É, atualmente, Cônsul-geral de Portugal em Marselha. É autor dos romances No Rasto de um Cometa (2006, sob o pseudónimo A. Aires) e No Outro Lado ou Viagem ao País dos Sonhos (2013). É licenciado em Relações Internacionais e pós-graduado em Estudos Europeus.